sexta-feira, 13 de julho de 2012

Desencanto

.

Tinha sete anos quando a levaram pela primeira vez ao oculista.
Tava na idade das perguntas difíceis de serem respondidas e logo questionou o porquê daquilo.
Disseram que era para ver as coisas como elas realmente são.
E assim, aos sete anos e dois graus, perdeu a infância no oftalmologista. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário